Camisetas Femininas Ecologicas em Devorê

insta-seguir2

Sábia da Praia [Mimus gilvus]

>>>Mais fotos<<<
Ouça seus cantos




























O sabiá-da-praia também é chamado de sabiá-da-restinga, sabiá-piri e tejo-da-praia. É encontrado ao longo do litoral brasileiro, do Rio de Janeiro para o norte e também no Caribe. Constrói um ninho de galhos e a postura normal é de três ovos cinzentos-esverdeados. A incubação, apenas pela fêmea, dura 13-15 dias. Esta ave defende agressivamente o seu ninho contra outras aves e animais. Os adultos têm 25 cm de comprimento e pesam 54 g. Alimentam-se no chão ou na vegetação ou descem de um poleiro para capturar invertebrados. Comem principalmente insetos e algumas bagas. São capazes de se aproximar de humanos, retirando comida de pratos ou da mesa. O sabiá-da-praia não tem canto próprio: reproduz cantos de outros pássaros. Tem uma vocalização variada e musical e canta, por vezes, de noite. Com cauda longa e plumagem cinza-claro nas costas e branca nas sobrancelhas, lembra os verdadeiros sabiás (Turdus sp.), apesar de não ser parente próximo destes.

Fonte(audio):xeno-canto
(foto):Dimas, tirada em Salvador BA

17 comentários:

  1. ola dimas , meu nome nelson botiao trabalho em um predio em bebedouro bem aqui na frente tem um jardim e algum tempo atras apareceu um passaro bem parecido com sabia da praia mais esse te os olhos vermelhos e o canto tambem e bem diferentes ja entrei em varios sites e nao consigui descobrir k passaro e esse ! consigui gravar seu canto . talves vc poderia me ajudar? meu email e butty73@hotmail.com obrigado.

    ResponderExcluir
  2. Moro na Bahia,na cidade de Lauro de Freitas e tenho o privilégio de escutar,todos os dias,no caminho até o ponto de ônibus, o canto maravilhoso desta espécie.Nasci em São Paulo, onde se observam várias espécies de sabiá,no entanto este é muito especial,pela variedade de seus "trinados"...viva a mãe natureza....Celso

    ResponderExcluir
  3. Celso seria legal mantermos contato...estou passando um tempo na Bahia agora...dimasrafting@hotmail.com

    ResponderExcluir
  4. beleza camarada eu gosto dessa sabia da praia me descontrai. muito bonito esse canto. na minha cidade que é o parana tem esse sabia elas canto mais nao tanto assim essas ai cantao muito se eu podesse ter uma seria bem cuidada por min beleza um abraço.......

    ResponderExcluir
  5. pessoal vamos deixar os bichinhos soltos pois e crime prender animais da fauna se quiserem ver os mesmos cantando e melhor que gravem quando soltos e bem melhor do que te los presos. onde tem muito sabia da praia e eles ficam bem perto das pessoas e na praia de guriri no espirito santo onde estive no ano passado e e muito fracil grava los cantando .

    ResponderExcluir
  6. Há pouco tempo fiz uma gravação da voz do Mimus gilvus na Apa do Pau Brasil em Búzios que vale a pena ser ouvida. Veja em http://www.wikiaves.com.br/som.php?m=93836&p=3&tm=s&t=u&u=12
    Abraços
    Ruy Salaverry

    ResponderExcluir
  7. Como cuidar de um filhote (resposta rapida por favor)

    ResponderExcluir
  8. Oi,
    Meu nome é Rosaly Moro em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador, como "Anônimo" que postou um comentário antes. Moro em uma casa com jardim coom flores e árvores frutíferas. Recebemos a visita de muitas espécies de passarinhos: bem-te-vis, sanhaços, caga-sebos, beija-flores, sabiás-laranjeira e sabiás-de-praia, pardais, rolinhas e até, mais ramente, canários da terra e cardeais... Uma delícia!! Porque temos cachorros, descobri que os sabiás, os bem-te-vis e os pardais, principalmente, gostam da raçao de cães. Agora tenho comedouros pendurados pela área externa com este tipo de alimento. também espalho milho paim, alpista, etc pelo gramado para os outros. Ninguém acredita no número deles que vêm se alimentar aqui. Outro dia, um casal de sabiá-laranjeira fez ninho em um pé de amoras que temos e nasceram três filhotes... Adoramos acordar com o canto de todos eles!!

    ResponderExcluir
  9. Eu moro em Santa Maria, no centro do RS, bem longe do litoral, e todos os dias começo o dia ouvindo o canto de um Sábia-da-Praia. Acho que ele fez ninho numa araucária que tem próximo ao local onde eu trabalho. Ele canta durante todo o dia, sem parar. É incrível!

    ResponderExcluir
  10. eu tenho uma sabia da praia que canta sem
    parar,o dia todo em casa todos gosta de vela canta,imita todos os passaros que ela escuta
    no you tube postei um video, veja (sabia da praia do alberto) um abraço.

    ResponderExcluir
  11. Como pode-se perceber a diferença entre Sabiá da Praia fêmea e macho????

    ResponderExcluir
  12. ola, JOSE NILO - VILA VELHA ES

    APARECEU UM FILHOTE DE SABIÁ DA PRAIA NO MEU QUINTAL, EU ESTOU TRATANDO DELE, PORQUE O GATO DO MEU VIZINHO ESTA LOUGO PARA DEVORA-LO.
    POSSO CUIDAR DELE ? OU TENHO QUE ENTREGAR AO IBAMA.
    GRATO

    ResponderExcluir
  13. ola amigo eu queria saber qual a diferença entre a sabia da praia e o galo do campo, me falarão que a sabia da praia tem os olhos vermelhos. sidileyfilho@hotmail.com

    ResponderExcluir
  14. ola amigo eu queria saber qual a diferença entre a sabia da praia e o galo do campo, me falarão que a sabia da praia tem os olhos vermelhos. sidileyfilho@hotmail.com

    ResponderExcluir
  15. Qual a idade qe ele começa a cantar

    ResponderExcluir
  16. Qual a idade qe ele começa a cantar

    ResponderExcluir
  17. Ola... Desde o Ano passado (2015), tenho notado o aparecimento e crescimento de sabia da praia, no litoral sul de SC. Moro em Baln. Arroio do Silva, quase divisa com o RS e aqui tem mais de 50 pássaros desses pela minha região.Como sempre alimento passaros soltos como canários da terra, eles tem aparecido e também os vi fazendo ninhos nas arvores aqui perto. Eles tem comido a ração de meus cães. Seguido vejo eles “roubando” a ração de meus cães e saltitando por ai....

    ResponderExcluir

Sejam bem vindos!
Deixe seus comentários e sugestões
Obrigado!!!

"O direito, legalizado, de alguém criar pássaros para serem criados em gaiolas, seja para deleite ou preservação, não suplanta o meu de desejar ver todos eles livres."
[AluiZio Derizans]